Al-Bader Grupo do Kuwait anuncia 1,3 mil milhões de investimento em Moçambique

O grupo kuwaitiano Al-Bader International Development anunciou um investimento de 1,5 mil milhões de dólares (1,3 mil milhões de euros) em dois projetos de produção de combustíveis em Moçambique.

De acordo com o presidente do grupo, Ali Mahmoud, que falava após um encontro na quarta-feira com o primeiro-ministro moçambicano, Carlos Agostinho do Rosário, o primeiro projeto será desenvolvido ainda este ano na província de Gaza, sul do país, numa área de mais mil hectares, e prevê a produção de etanol a partir de cana-de-açúcar.

O segundo empreendimento, de acordo com Ali Mahmoud, citado hoje pelo diário Notícias, será desenvolvido na transformação de carvão mineral em diesel e vai arrancar dentro de um ano, após a conclusão dos estudos ambientais e de negociações ainda em curso.

O grupo disse ter planos para investir um total de 26 mil milhões de dólares (23,8 mil milhões de euros em Moçambique), metade dos quais no processamento de carvão em Tete.

Segundo o presidente do grupo Al-Bader International Development, os projetos podem tornar o país num dos maiores produtores de diesel da região, embora ainda sejam desconhecidas as suas reais capacidades.

Fonte: Noticias ao Minuto

Partilhar