Desemprego sobe depois de três meses de queda

Depois de três meses a descer, a taxa de desemprego voltou a aumentar em Maio, indicam os dados ainda provisórios do INE.

A taxa de desemprego subiu para 13,2% no mês passado, o que representa um crescimento de 0,4 pontos percentuais face a Abril, de acordo com as estimativas do INE hoje divulgadas.

Ao invés, a taxa de emprego recuou duas décimas, atingindo agora 56,8%, avançam os valores ajustados de sazonalidade. Em Maio, o INE dava conta de mais 19,1 mil desempregados (uma subida de 2,9%) e menos 22,7 mil empregados (uma quebra de 0,5%).

Os dados são mais positivos se a comparação for feita com o mesmo período de 2014. Face a Maio do ano passado, a taxa de desemprego recuou 1,2 pontos percentuais e a de emprego cresceu cinco décimas.

Os valores para Maio estão sujeitos a revisões e só serão confirmados no próximo destaque mensal do INE. Mas na publicação de hoje o Instituto já apresenta como definitivas as estimativas para Abril. Nesse mês, a taxa de desemprego ficou em 12,8%, abaixo dos 13% revelados inicialmente. Mas também a taxa de emprego foi revista em baixa, face ao valor inicial de 57,3%.

Fonte: Económico

Partilhar