FMI 'congela' negociações com Grécia devido a falta de progresso

Organização liderada por Christine Lagarde sai de cena sem acordo para novo empréstimo. Propostas do governo grego continuam longe das exigências do Fundo.

Alexis Tsipras sofreu hoje um duro golpe nas negociações com os credores externos para alargar o programa de resgate do país. Segundo o Wall Street Journal, o Fundo Monetário Internacional decidiu interromper as negociações com a Grécia, queixando-se de falta de abertura do governo de coligação.

“Há grandes diferenças entre nós na maior parte dos temas”, disse Gerry Rice, porta-voz do FMI, num comunicado oficial. “Não tem existido qualquer aproximação nestas questões nos últimos tempos. Como tal, estamos muito longe de um entendimento”, anunciou o representante.

Aumenta assim a pressão sobe o executivo grego, que tem apenas alguns dias para juntar dinheiro suficiente para pagar várias prestações do empréstimo externo. “A bola está do lado da Grécia neste momento”, conclui Gerry Rice.

Fonte: Noticias ao Minuto

Partilhar